HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTEMICA - PODE AJUDAR A MELHORAR SEU BENEFÍCIO SOCIAL?




Por Alexandre Amaro - especialista em saúde


Gente neste artigo vou te explicar detalhes importantes sobre a

HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTEMICA (HAS) mais conhecida como Pressão Alta

Esta doença tem como caracteristica a elevação contínua da pressão dos vasos do corpo.

Se este quadro, estiver associado a um CID (CÓDIGO INTERNACIONAL DAS DOENÇAS listado abaixo, pode sim, configurar um AUXILIO DOENÇA.


Quando o valor é maior que 140 x 90 milimetros de mercúrio ou 14 por 9 em adultos

o quadro pode se agravar.


QUEM TEM PRESSÃO ALTA, PODE SOLICITAR O AUXÍLIO DOENÇA?

Geralmente os pedidos dos trabalhadores que se afastam por mais de 15 dias são negados com essa causa como principal


O INSS não aceita pedidos isolados de auxilio doença apenas com esta causa. Entende que a pressão alta (H.A.S) é uma doença CRÔNICA, porém com tratamento possível. Ou seja recuperação.


Mesmo assim, estes são os requisitos para requerer o beneficio

- Ser segurado;

- precisa de 12 arrecadações, uma por mês

- ter incapacidade para atividades de trabalho por periodo maior que 15 dias.

- ter relatórios médicos verdadeiros e com justificativa plausível.


mas é possível sim a liberação do auxilio doença, quando a H.A.S (Pressão Alta) estiver associada a um destas 15 doenças abaixo veja,

Veja as 15 doenças possívels de auxilio doença e atenção especial pelos PERITOS DO INSS!

  1. Alienação mental: distúrbios da mente como, por exemplo, esquizofrenia, demência, depressão, paranoia e afins. Para estas condições é necessário que a junta médica examine o seu caso para classificá-lo como inválido para o trabalho.

  2. Cardiopatia grave: consiste em uma doença crônica que tem por base o coração. Como esse mal atinge exatamente o coração, fica o segurado incapacitado para o trabalho ou qualquer esforço mais forte.

  3. Cegueira: esta pode acontecer por diversos motivos, mas em geral é causada por glaucoma, retinopatia diabética, retinopatia hipertensiva, entre outros males.

  4. Radiação por medicina especializada: alguém que tenha sido exposto à radiação e que por isso não possa fazer atividades da vida comum.

  5. HIV – Síndrome da Imunodeficiência Adquirida: Popularmente conhecida como AIDS, a doença dá ensejo ao benefício por incapacidade do segurado de ter uma vida normal, já que fará uso de medicamentos para se manter vivo.

  6. Doença de Paget: esta doença é também conhecida como osteíte deformante. Em seu estágio avançado a doença incapacita os ossos e medula óssea. Doença incurável e crônica.

  7. Nefropatias graves: doenças que atingem os rins causando ao segurado incapacidade nas condições de trabalhar e ter uma vida normal. São, em geral, patologias de evolução do tipo aguda ou do tipo subaguda e crônica.

  8. Espondiloartrose anquilosante: doença que acomete a coluna vertebral e sacroilíaca. As vértebras se fundem umas às outras e isso causa dores e incapacidade de mexer com a coluna.

  9. Doença de Parkinson: é uma doença degenerativa que atinge o sistema nervoso central. É crônica e progressiva. Causa enrijecimento muscular e das articulações, além de tremores nos membros inferiores e superiores.

  10. Paralisia incapacitante e irreversível: a via motora é prejudicada de forma que a capacidade de mexer um músculo fica diminuída, e isso resulta em lesão destrutiva e degenerativa. Pode ser tetraplegia, paraplegia, entre outros tipos.

  11. Neoplasia maligna: doença que afeta as células corporais atingindo os tecidos. Também é conhecida como Câncer.

  12. Hepatopatia grave: de forma aguda ou crônica acomete o fígado levando o segurado ao risco de morte.

  13. Esclerose Múltipla: por questões ambientais ou genéticas essa doença é inflamatória e ao mesmo tempo crônica. Começa a dar sinais no sistema nervoso.

  14. Hanseníase: afetando a pele primeiramente, depois os nervos, essa doença é uma infecção crônica. Em grau avançado, há a perda de sensibilidade e o surgimento de manchas brancas pelo corpo todo.

  15. Tuberculose ativa: doença causada por uma bactéria acometendo os pulmões com febre, perda de peso e até a morte.


Como solicitar o auxílio doença do INSS

Gente o pedido pode ser feito pelo Meu INSS, oferece 90 serviços online.


Faça o login no site ou app Meu INSS;

Selecione a opção Serviços;

Clique em Benefícios;

Agendamento/Solicitações;

Nessa área, clique em Novo requerimento;

Selecione a opção “Benefício por incapacidade;

Clique em Auxílio doença com documento médico;

Em seguida, aperte o botão Avançar;

Analise e preencha o formulário com suas informações;

Anexe os documentos solicitados;

Depois, clique em Avançar;

Faça o agendamento da perícia médica;

Por fim, clique em Gerar comprovante


Gente, toda e qualquer dúvida que você tiver você pode entrar em contato conosco (via whatzap) no

64 999481516 falar com a equipe sua situação.

Te desejo uma ótima semana, compartilhe meu artigo para seus amigos e familiares, e não deixe de ver o ultimo video postado em

meu canal do youtube meu inss passo a passo, obrigado!


Alexandre Amaro

Youtuber, produtor de conteúdo

Especialista em auditoria, saúde da familia e do trabalho.

93 visualizações0 comentário